Na 3ª idade em Assis

Homem morre após ser agredido tentando separar briga em baile da terceira idade em Assis


Contador de 53 anos levou um soco e bateu a cabeça no chão. Vítima foi levada para o HC de Marília, onde morreu nesta quarta (13).

G1 | Redação

Roberto Donizete da Cruz, de 53 anos, morreu nesta quarta-feira no HC de Marília — Foto: Arquivo pessoal

ASSIS-SP — Um contador que estava internado desde domingo (10) após se envolver em uma briga no Clube da Terceira Idade de Assis (SP) morreu nesta quarta-feira (13) à tarde no Hospital das Clínicas de Marília.

De acordo com Edson Pontes, primo de Roberto Donizete da Cruz, que tinha 53 anos, a vítima ficou gravemente ferida ao tentar separar uma discussão durante uma festa no local.

Segundo Pontes, que é bombeiro, seu primo foi encontrado no chão e testemunhas disseram que ele caiu e bateu a cabeça. Depois foi constatado que o contador sofreu uma lesão causada por um soco.

Roberto da Cruz foi levado para Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) de Assis, e depois foi transferido ao Hospital das Clínicas de Marília, onde morreu.

A família registrou boletim de ocorrência por lesão corporal e agora vai pedir para a Polícia Civil para mudar para homicídio. Como os familiares liberaram a doação de órgão, ainda não foi definido o horário do velório, que deve acontecer nesta quinta-feira (13).

Agressão aconteceu no Clube da Terceira Idade de Assis no último domingo (10) — Foto: Clube da 3ª Idade de Assis/Divulgação

Comente

Veja Também