Maracaiense morre após ser atropelada pelo marido que manobrava caminhão

Acidente aconteceu em Astorga-PR. A filha do casal, que estava no acidente, sofreu ferimentos leves.

Maracaiense morre após ser atropelada pelo próprio marido no Paraná — Foto: Arquivo Pessoal

MARACAÍ-SP — A maracaiense Maria Aparecida Santos, de 23 anos, morreu na madrugada desta sexta-feira, dia 29, em Astorga, no Paraná onde ele residia atualmente, após ser atropelada por um caminhão do próprio marido. A vítima estava acompanhada da filha, de 5 anos, que ficou ferida.

De acordo com o boletim de ocorrências, Maria foi atingida pelo caminhão no momento em que o marido manobrava o veículo. O homem ficou em estado de choque.

A vítima teve uma parada cardíaca. Socorristas tentaram reanimá-la, mas ela não resistiu.

A criança foi encaminhada para o Hospital Cristo Rei, e na sequência transferida para o Hospital Metropolitano em Sarandi. Segundo a equipe médica, a menina apresentava ferimentos nas mãos e joelhos, sem risco de vida.

A Delegacia de Polícia Civil de Astorga apura as circunstâncias do acidente.

O Corpo de Maria foi velado e sepultado no Cemitério Municipal de Maracaí.

Foto: Plantão Maringá
Maracaiense morre após ser atropelada pelo próprio marido no Paraná — Foto: Plantão Maringá

VEJA TAMBÉM

Outras Notícias

Mais acessadas da seamana