Jovem paraplégico a oito anos fica sem benefício do INSS em Quatá

Em fevereiro deste ano, ele teve seu beneficio suspenso pelo órgão; família aceita doações.

Jovem paraplégico a oito anos fica sem benefício do INSS em Quatá — Foto: Reprodução | Jornal Acontece

QUATÁ-SP Um morador de Quatá, que atualmente reside no Jardim Tropical, e que ficou paraplégico há 08 anos, depois de sofrer um acidente em agosto de 2013, em uma cachoeira no Parque Mário Covas – Burrinho, na cidade de João Ramalho, teve a seu benefício por invalidez suspenso pelo Instituto Nacional do Seguro Social — INSS. O rapaz é Alan Mendes dos Santos, de 26 anos, que a quase 08 anos está inválido em uma cama. Na época, a dona de casa e sua companheira Valéria Kiste de Souza, que atuava na enfermagem em Presidente Prudente, que conheceu o rapaz na UTI de um hospital prudentino, se apaixonaram, e ela abandonou o trabalho para cuidar de Alan.

Na época do acidente, Alan tinha 18 anos de idade, e devido estar constantemente deitado e tomar medicações, apareceram problemas no rim, fígado e coração. Atualmente, Alan vai até a Santa Casa de Presidente Prudente, duas vezes por semana para fazer hemodiálise. Para colocá-lo na maca, a companheira necessita da ajuda do motorista da ambulância e de uma enfermeira que acompanha o enfermo, isso se repete todas as segundas e sextas-feiras.

Acontece que em meio a todos esses problemas de saúde, Alan recebeu auxílio-doença por ordem judicial de 2015 a 2017, e logo em seguida, de 2017 até fevereiro de 2021, recebeu aposentadoria por invalidez. Em fevereiro desse ano, Alan teve seu benefício suspenso pelo INSS.

Os advogados que estão no caso, tentam reverter a situação e fazer com que Alan volte a receber seu benefício.

O Prefeito de Quatá, Marcelo de Souza Pecchio, ao lado da Secretária de Promoção Social, Luciane Leite, ao saber do caso, fez um vídeo de indignação, e disse que a Prefeitura está dando o total apoio.

Em entrevista com a companheira de Alan, ela disse que tudo é bem-vindo, agradece demais às pessoas que se solidarizaram com a história. No momento, Valéria disse que necessita de materiais de limpeza e de higiene, incluindo lenço umedecido e pomada. Interessados em colaborar, poderão entrar em contato com Valéria pelo celular: (18) 98156-1817.

Jovem paraplégico a oito anos fica sem benefício do INSS em Quatá — Foto: Reprodução | Jornal Acontece
Jovem paraplégico a oito anos fica sem benefício do INSS em Quatá — Foto: Reprodução | Jornal Acontece

*Jornal Acontece

VEJA TAMBÉM

Outras Notícias

Mais acessadas da seamana