Ourinhos volta a suspender vacinação contra Covid-19 por falta de doses

Em Paraguaçu Paulista e Cândido Mota, a aplicação da segunda dose que estava prevista para esta terça-feira, dia 13 de julho, também foi cancelada.

Vacinação realizada no Recinto da Fapi foi suspensa em Ourinhos — Foto: Adolfo Lima/ TV TEM

OURINHOS-SP – Em Ourinhos, a prefeitura suspendeu a vacinação em sistema drive-thru no Recinto da Fapi nesta terça-feira, dia 13 de julho de 2021, por falta de doses. A cidade tinha começado na segunda-feira, dia 12 de julho, a vacinação de pessoas a partir de 36 anos sem comorbidades.

No mês passado, a cidade também chegou a suspender por dois dias a vacinação por falta de novas doses.

No comunicado divulgado em suas redes sociais, a prefeitura informa que a vacinação deve ser retomada nesta quarta-feira, dia 14 de julho, com a chegada de uma nova remessa de doses dos imunizantes.

Ourinhos aplicou até esta terça-feira, 76.068 doses de vacinas contra Covid-19, sendo 57.423 primeiras doses, dessas 16.856 pessoas receberam a segunda dose completando a imunização e foram aplicadas 1.789 doses únicas.

Segundo dados do Vacinômetro, 51,8% da população recebeu a primeira ou a dose única na cidade, que tem população de pouco mais de 114 mil pessoas.

Outras três cidades da região suspenderam a vacinação pelo mesmo motivo. Em Bastos, suspendeu a vacinação nesta segunda-feira. Porém nesta terça-feira, a prefeitura informou que fará a vacinação da segunda dose da Oxford/AstraZeneca e CoronaVac para pessoas com mais de 67 anos e gestantes.

O drive-thru acontece das 15h às 19h no Recinto de Exposições de Bastos, com entrada pela Via de Acesso Wagner dos Reis Ferreira (portão principal). A entrada e todo trajeto estão sinalizados para correto tráfego de veículos no local.

Até o momento, Bastos já aplicou a primeira dose em 11.093 moradores, destes, 3.341 receberam a segunda dose. Além das 449 pessoas que foram imunizadas com a dose única, Com isso, mais de 50% da população já foi vacinada, segundo dados do Vacinômetro do Governo de São Paulo.

Já Paraguaçu Paulista e Cândido Mota suspenderam a aplicação da segunda dose da vacina contra a Covid prevista para esta terça-feira, dia 13 de julho. Os dois municípios ainda não receberam novos lotes do imunizante.

Porém, a Vigilância em Saúde de Paraguaçu Paulista afirma que não há motivos para preocupação por conta do atraso, que não representará prejuízos para a imunização deste público.

A previsão é de que as vacinas cheguem ainda nesta semana e a data e o horário da retomada serão divulgados pelas prefeituras.

Outras Notícias

Mais acessadas da seamana