Homem é multado em mais de R$ 2,7 mil por conter carne de capivara em depósito em Rancharia

A carne foi destruída no aterro sanitário.

Carne de capivara e espingarda foram apreendidos — Foto: Polícia Ambiental

RANCHARIA-SP — Um homem de 57 anos foi multado em mais de R$ 2,7 mil por ter em depósito carne de animal silvestre, em Rancharia. Durante a operação Proteção às Florestas da Polícia Ambiental, nesta quarta-feira, dia 14 de julho de 2021, foram apreendidas uma espingarda e carne de capivara.

Após denúncia anônima de maus-tratos a animal doméstico, os policiais localizaram no interior de uma serralheria na Vila Rigueti uma espingarda de calibre 22 e 5,515 quilos de carne de capivara processada.

Carne de capivara e espingarda foram apreendidos — Foto: Polícia Ambiental

O homem assumiu a posse do armamento e afirmou que havia ganhado a carne de um conhecido. Como não tinha documentação do armamento foi conduzido à Delegacia da Polícia Civil, onde foi ouvido e liberado mediante pagamento de fiança no valor de R$ 370.

Por parte do Policiamento Ambiental foi lavrado um Auto de Infração Ambiental no valor de R$ 2.757,50 por ter em depósito carne de animal silvestre. A carne foi destruída no aterro sanitário.

Carne de capivara e espingarda foram apreendidos — Foto: Polícia Ambiental

Outras Notícias

Mais acessadas da seamana